RECORD tem dia de liderança e recordes no Rio de Janeiro com cobertura especial de operação policial na Maré

Leonardo Lima
Por Leonardo Lima

Nesta terça-feira (11/06), com cobertura especial da operação policial no Complexo da Maré, o jornalismo da RECORD conquistou, no Rio de Janeiro, quase uma hora de liderança e vários recordes tanto dos programas quanto nas médias dia, tarde e noite. A emissora ainda impactou mais de 2,5 milhões de telespectadores.

O Balanço Geral RJ conquistou o primeiro lugar isolado por 57 minutos e venceu o Jornal Hoje. O programa, exibido das 11h50 às 15h30, alcançou a maior média desde 28/06/2021, 11,7 pontos, e o melhor share e pico desde 27/03/2019, 25% e 15,1 pontos. O SBT, em terceiro, ficou praticamente 10 pontos atrás, com apenas 2,1 pontos. O programa, apresentado por Tino Júnior, ainda venceu o Jornal Hoje (13h25/14h42), na média geral, por um placar de 14,2 x 14,1 pontos de média.

Também foi dia de recorde para o Cidade Alerta Rio, que foi ao ar das 18h02 às 19h55. Em segundo lugar isolado, o programa obteve a maior média, pico e share desde 24/10/2023, 10,4 pontos, 12,1 e 17,3%, respectivamente. O SBT, em terceiro registrou apenas 1,7 ponto. A apresentação foi de Ernani Alves.

Na média dia, a emissora anotou 6,7 pontos e 14,5% de share, o maior do ano. O resultado foi mais que o triplo da audiência do SBT que, em terceiro, marcou 1,8 ponto.

A média tarde consolidou recorde do ano em audiência e participação, 9,4 pontos e 19,9% de share, com média quase cinco vezes maior que o SBT, que teve 2 pontos.

A média noite, também a RECORD RIO garantiu a média mais alta do ano, 6,9 pontos. O share foi de 11,4%. E mais uma vez o SBT ficou com 1/3 da audiência, 2,3 pontos

Fonte: Kantar Ibope Media / Instar Analytics GRJ / Total Domicílios e Indivíduos / (dados arredondados e extrapolados para Atlas de Cobertura)

 

Categorias

Tags

Compartilhe este artigo