Ao PlayPlus, Thomaz desce a lenha em Deolane: ‘Pessoa ruim e maldosa’

Leonardo Lima
Por Leonardo Lima

A “Cabine de Descompressão“, transmitida com exclusividade no PlayPlus, recebeu Thomaz Costa, quinto eliminado de “A Fazenda 14“, para um bate-papo com Lucas Selfie, após o ex-peão perder a preferência do público para permanecer no reality e receber apenas 17,31% no portal R7.com. O ator enfrentou Deolane Bezerra e Shayan que receberam 45,97% e 36,72% dos votos para continuar no programa, respectivamente.

Vestido de personagem da novela “Carrossel”, em que Thomaz participou, Selfie perguntou ao eliminado sobre a formação de grupos, uma vez que o ator foi um dos primeiros a reunir outros participantes para a criação do ‘grupo A’, conhecido como “Deolândia”. “Eu criei o grupo com a mentalidade de nos defender e chamei as pessoas que estavam com mais vontade de jogar, mas a Deolane implicou e começou a me atacar”, contou.

Ainda sobre os atritos com Deolane, Costa foi questionado se a peoa influenciou na decisão de desistir do jogo e o ex-peão disparou contra a participante. “Ela é uma pessoa ruim, maldosa e que gosta de ver o sofrimento do outro”, comentou.

O eliminado também foi questionado se o romance com a funkeira Tati Zaqui, eliminada do reality na última semana, era genuíno ou parte de uma estratégia para permanecer no programa. “Minha estratégia não era fazer casal. Atrapalhou o jogo, mas ganhei algo maravilhoso”, respondeu o ator, sendo cutucado por Selfie. “Casal ‘Romeu e Julieta’ de Itapecerica”, alfinetou o apresentador da ‘Cabine’.

Thomaz comentou o porquê perdeu a vontade de continuar no jogo, mesmo sendo desejo dele entrar em “A Fazenda”. “Eu entrei com muita gana de jogar, mas isso se perdeu. O que está acontecendo ali não é mais jogo, virou uma guerra. Estão tentando matar um por um. E isso não é jogo, se for é sujo”, contou.

Apesar de integrarem o mesmo “grupo B”, após quebrar o vínculo com Deolane, Thomaz explicou que desconfia das estratégias usadas por Deborah Albuquerque. “Ela veio treinada, porque o jogo dela é de fazer muito VT e ficar repetindo as mesmas coisas”, comparando-a com a atriz Nadja Pessoa, com quem participou da primeira temporada do “Ilha Record”.

Para Thomaz, Bia Miranda é uma das pessoas mais difíceis para conviver no programa, fora Deolane. “Ela é ridícula, encrenqueira, sem carisma, sempre de cara fechada, passa encarando, é uma pessoa pesada”, disse.

Categorias

Tags

Compartilhe este artigo